Grécia . Viagem para Grécia . Viagem de baixo custo . low cost . mochileiros . grécia mochilão .

Desde suas ilhas idílicas (6.000 para ser exata) espalhadas no Mar Egeu, águas azul-turquesa fascinantes, cozinha greco-mediterrânea requintada, paisagens montanhosas espetaculares, hospitalidade genuína, cultura e história sem fim, e seus sítios arqueológicos, a lista de motivos para visitar pode continuar.

 

No entanto, o equívoco de que uma Viagem Para Grécia acarreta um preço elevado impede as pessoas de fazer a viagem. Não se preocupe, este guia útil reverterá todos esses mitos sobre esse destino "sofisticado" e promete uma experiência que mudará sua vida. Siga estas dicas de orçamento, com relação a alimentação, transporte e acomodação, e economize algumas centenas de dólares (ou mais)!

 

Comer em restaurantes chiques, ir em festas que cobram 20 euros (+/- R$120,00) a entrada, pasmem, é caro. Porém, convenhamos, viajar desta forma faz com que qualquer lugar se torne caro. Qualquer lugar não é barato se você decidir se hospedar em um resort que cobra 1.000$ por noite. 

 

1. Temporada Certa Para Viajar
2. Passeios Gratuitos
3. Hospedagem
4. Balsas Noturnas
5. Ilhas Gregas
6. Alimentação
7. Mykonos e Santorini
8. Orçamento

 

Então, para ajudar a sua viagem dos sonhos se tornar realidade, aqui vão algumas dicas de como Viajar para Grécia Com o Orçamento Reduzido.

1. Visite na Baixa Temporada Para Economizar em Vôos

Se você tem flexibilidade de tempo, a melhor maneira de economizar é voar fora da estação. Se você estiver viajando da Ásia, considere a transportadora Scoot, que voa diretamente de Singapura para Atenas. A Grécia é incrivelmente popular durante os meses de verão, de junho a agosto. Durante esse período, os preços de acomodações, alimentos e até bilhetes de balsa registram um aumento constante de 20 a 50%. Se você estiver disponível para viajar em outros meses, considere viajar em maio ou setembro, se ainda desejar aproveitar o verão, menos os preços absurdos. Outra alternativa seria viajar durante o outono, em outubro, até o início de novembro, quando as temperaturas são muito mais baixas.

 

2. Inscreva-se Para Passeios a Pé GRATUITOS em Atenas

Não, seus olhos não estão enganando você. Na verdade, existem inúmeras excursões gratuitas a pé disponíveis no centro da cidade de Atenas para você testemunhar e descobrir os monumentos neoclássicos e os marcos históricos antigos. Os aficionados por história podem se deliciar com o fato de que esses passeios abrangentes levarão a lugares que nem mesmo os ônibus de turismo podem acessar.

 

Com uma história rica que abrange cerca de 3.000 anos, o berço da civilização ocidental é realmente melhor explorado a pé. Tendo resistido ao teste do tempo, vale a pena visitar esses locais históricos. Da Acrópole, o Templo do Zeus Olímpico, Monastiraki e a Praça Syntagma, avistam em primeira mão a intrigante mistura da antiga e da moderna Atenas, tudo em três horas. Se você achar que o guia fez um trabalho fantástico e gostaria de expressar sua gratidão, sinta-se à vontade para dar uma gorjeta.

 

3. Fique Hospedado em um Airbnb ou no Couchsurf Para Evitar Custos Exorbitantes de Hotéis

Com o afluxo de turistas, houve um aumento de acomodações alternativas, como Airbnb, albergues e até pousadas para mochileiros, para atender a todos os tipos de viajantes. Considere largar esses luxuosos hotéis de cinco estrelas por algo igualmente confortável, mas ainda assim não fará um buraco gigante no seu bolso. Seja no próprio centro de Atenas ou na infinidade de ilhas, o Airbnb é uma opção muito importante e segura. Se o seu host for legal, você pode até obter insights de bônus e receber comodidades extras! Como um indicador aproximado, os quartos compartilhados no Airbnb custam até €10/noite nas cidades, enquanto casas inteiras custam entre €25 a €50/noite (ótimo se você tiver amigos acompanhando!). Se você ficar por uma semana ou mais, procure descontos!

 

A mesma tarifa de €25 a €50/noite também pode lhe proporcionar um quarto decente que acomoda dois em um hotel econômico simples. As tarifas de albergue são metade da média dos hotéis econômicos e você pode facilmente pegar um quarto por €12/noite com Wi-Fi gratuito incluído! Quartos privativos em albergues também estão disponíveis se você preferir ficar sozinho por cerca de €20/noite. Certifique-se de fazer sua pesquisa e verificar com vários sites antes de confirmar suas reservas.

 

Se você deseja realmente mergulhar na cultura local e fazer como os locais, o Couchsurfing será o caminho a seguir. Esse apelido exclusivo refere-se à conexão com os locais on-line por meio de uma plataforma on-line e, mais tarde, a reunir-se com eles sem precisar desembolsar nem um centavo. Sim, sua estadia é totalmente gratuita! Nada é melhor do que sair com os habitantes locais e descobrir joias escondidas ou lugares que os passeios convencionais nunca o levariam. Além disso, você deixa o país adicionando mais pessoas de todo o mundo ao seu círculo social.

 

4. Reserve Balsas Noturnas Com Antecedência Para Economizar no Alojamento

As balsas da Grécia podem ficar muito caras se você estiver visitando muitas ilhas. Tomando as balsas durante a noite pode poupar até metade do preço normal (além de que você vai poder economizar uma noite de acomodação). Além disso, se você puder reservar suas balsas com dois meses de antecedência, você pode economizar até 25% no custo do seu bilhete.

 

Uma viagem à Grécia é incompleta sem percorrer as inúmeras ilhas deslumbrantes. A melhor dica que você pode receber é usar os ferries noturnos, como o Blue Star Ferries. Embora eles levem o dobro do tempo para chegar ao seu destino, você acaba economizando quase metade dos custos. Como medida aproximada, você gastará €29 em uma passagem de ida direta para Mykonos do porto de Pireu, em Atenas, na Blue Star Ferries (quase sete horas), enquanto a opção de ida da lancha (menos de três horas) custará cerca de €44.

 

Além disso, lembre-se de reservar com antecedência, pois você pode economizar até 25% do preço do bilhete e garantir um bilhete de volta também. As balsas noturnas são uma solução em que todos saem ganhando, pois você não apenas economiza em acomodações, mas também desfruta de uma vista mais agradável do oceano!

 

Leia mais sobre: Informações sobre a Grécia

 

5. Saia do Caminho Mais Conhecido - Aventure-se Fora do Caminho Batido Para Outras Ilhas, Como Corfu e Milos

A Grécia é sinônimo de ilhas vibrantes como Mykonos e lugares românticos como Santorini. No entanto, existem inúmeras outras jóias escondidas que vale a pena explorar e saciar a vontade daqueles que anseiam por aventura. Ilhas encantadoras como Corfu e Milos não são cheias de multidões enlouquecedoras e melhor permitem que você aprecie as vistas e os sons autênticos, preservados pelos efeitos do turismo de massa.

 

A melhor parte disso tudo? Você acaba não gastando tanto quanto previa! Essas ilhas não cobram exorbitantemente, ao contrário de suas contrapartes super populares que visam lua de mel de luxo.

 

6. Coma Barato - Faça Giroscópios e Souvlaki Seus Pratos Preferidos em Vez de Jantar em Tabernas à Beira-Mar

Giroscópios (comida de rua grega) entre outros lanches de rua, geralmente custam apenas alguns euros. Eles são rápidos e fáceis e podem mantê-lo(a) cheio(a) por menos de 10 EUR por dia!

 

Comida de rua não é apenas bom para bolsos, eles também provam ser uma maneira autêntica de provar algumas das cozinhas locais. Na Grécia, você definitivamente encontrará giroscópio e souvlaki em quase todos os cantos da rua. Um giroscópio é semelhante a um envoltório pita que consiste em carne que geralmente é de frango ou porco. A carne é envolvida com tomates, cebolas e batatas fritas! Estes geralmente custam não mais que €2,50. Um souvlaki pode ser visto como pedaços de carne no espeto servem à la fast food, também na mesma faixa de preço.

 

Evite as principais faixas turísticas e restaurantes à beira-mar, pois os preços normalmente aumentam. Se você estiver hospedado em um Airbnb equipado com uma cozinha, considere cozinhar suas refeições e economizar ainda mais!

 

7. Mykonos e Santorini

Se você realmente está com o orçamento reduzido, o mais esperto a se fazer seria evitar as Ilhas Gregas mais caras: Santorini e Mykonos.

 

Não negaremos, é possível visitar estes lugar com o orçamento curto, porém, suas opções de acomodação, transporte e comida certamente ficarão limitadas.

 

Nossas recomendações para aqueles que simplesmente não conseguem se imaginar visitando a Grécia sem dar uma passada em Mykonos e Santorini são para começar a procurar por acomodações em locais mais afastados dos lugares movimentados.

 

Leia Mais Sobre: Ilhas Gregas

8. De quanto você vai precisar?

Para responder essa pergunta, você primeiro precisa se perguntar: “Qual o tipo de viagem que eu quero ter?”.

 

Se você está certo(a) da ideia de que quer viajar low cost então provavelmente você terá que se hospedar em um hostel, comer em lugares baratos, estar apto(a) a cozinhar algumas de suas refeições, não comprar muitos tours e usar transporte público. Isso tudo pode variar entre 25-100EUR em média por dia (baixa temporada) - novamente, tudo depende do tipo de viagem que você quer ter.

 

- Existe Algum Orçamento Perfeito?

Infelizmente, não. Porém, reunimos algumas dicas/sugestões de orçamento para poder ajudar. Sempre lembrando que estes orçamentos são para a baixa temporada.

 

- Orçamento #1 - O Mochileiro "Shoestring"
Hostels - 0-10 EUR (grátis se você usar o Couchsurfing)
Comida - 10 EUR (tabernas baratas e comida de rua)
Bebidas - 5 EUR
Total - 15-25 EUR

 

- Orçamento #2 - O Mochileiro
Hostels - 10 EUR
Comida - 15 EUR
Bebidas - 10 EUR
Atividades - 10 EUR (museus e etc)
Total - 45 EUR

 

- Orçamento #3 - O Flashpacker (orçamento um pouco mais do que o Mochileiro -backpacker-).
Hostels - 25 EUR (Airbnb ou quarto de albergue privado)
Comida - 20 EUR
Bebidas - 20 EUR
Atividades - 10 EUR
Diversos - 10 EUR
Total - 85 EUR

 

Apesar do mito comum de que a Grécia é principalmente para os ricos e famosos, com um planejamento cuidadoso e uma pesquisa adequada, o país também é acessível a viajantes com orçamento limitado. Portanto, certifique-se de incorporar essas dicas úteis ao planejar a tão esperada escapada grega. 

 

Conclusão:

Uma viagem para Grécia não precisa ser uma quebra na sua conta bancária.

 

Agora que você está bem equipado(a) com todas as dicas necessárias, não perca tempo, confira nossos Pacotes Para Grécia e comece a planejar hoje a sua tão sonhada viagem!

Tours relacionados
Artigos Relacionados