Alexandria

Alexandria

Alexandria é a segunda maior cidade do Egito com 6 milhões de habitantes  está situada na costa do mar mediterrâneo e a oeste do delta do Nilo. Embora seja quase impossível competir com o Cairo em termos de arquitetura e monumentos históricos, Alexandria pode realmente ser uma das poucas cidades do mundo que tem a história mais famosa. Alexandre, o Grande, fundou a cidade em 331 a.C, tornando-a 1400 mais velha do que o Cairo, e uma das cidades mais ricas e mais cultas do mundo.
 
Hoje, Alexandria tem relativamente menor presença do que no seu passado icônico. Desastres naturais, conquistas e cercos repetidos e o fato da cidade ter sido reconstruída várias vezes, acabou se afastando da antiga e histórica Alexandria, mas mesmo assim, ela continua sendo uma cidade bonita e encantadora, com acesso imediato às belas praias do Mediterrâneo.
 
Quando Alexandre, o Grande, tomou controle sob o Egito em 331 a.C, ele decidiu construir uma nova capital que pudesse ligar o Vale do Nilo ao Mar e à sua terra natal, Grécia. A cidade que ele criou e deu a sua personalidade, se tornou o centro do poder no Egito até a conquista árabe em 642 AD. Após a conquista de Alexandre e a posição geográfica, a cidade se beneficiou da influência da cultura grega. Após 100 anos de sua fundação, Alexandria ficou atrás apenas de Roma em termos de população e emergiu como um centro de influência econômica e cultural.

Alexandria

Sob os ptolomeus, Alexandria ficou conhecida como o maior repositório de conhecimento do mundo, lar da lendária Biblioteca de Alexandria. Também abrigava uma das Sete Maravilhas do Mundo Antigo, a Pharos, ou o Farol de Alexandria, que dizem ter tido 138 metros de altura sobre o movimentado porto da cidade.
 
Nem a histórica Biblioteca de Alexandria nem a Pharos estão de pé hoje. Juntamente com os palácios de Alexandria da época greco-romana e outros edifícios importantes, ambos foram destruídos por uma série de desastres. Terremotos e tsunamis que mudaram o litoral alexandrino. No entanto, a grande biblioteca foi destruída em um incêndio.
 
O significado de Alexandria não era apenas encontrado em sua arquitetura e riqueza. Como capital do Egito sob o comando dos gregos, Alexandria era uma cidade diversificada, lar de grandes populações de gregos e outras etnias.
 
Alexandria era o lar da maior população de judeus e da Septuaginta, a única tradução grega da Bíblia Hebraica que sobreviveu até os dias atuais. A cidade também se tornou importante para os cristãos egípcios como o centro político e cultural do Egito durante a ascensão do cristianismo. A sede do Papado Ortodoxo Copta ainda está situada em Alexandria até hoje.
 
Embora tenha sofrido destruição por causa de guerras e desastres naturais várias vezes em sua história, como em 1882 durante um bombardeio de três dias que marcou a tomada de poder britânico no Egito. A cidade se recuperou e tornou-se um porto próspero e cosmopolita novamente do final do século XIX até meados do século XX.
 
Este período da história de Alexandria é imortalizado no Alexandrian Quartet de Lawrence Durrell, no qual ele descreve a cidade como um lugar decadente e vibrante, com "cinco raças, cinco idiomas, uma dúzia de credos". Este capítulo da história de Alexandria terminou, no entanto, com a revolução nacionalista e socialista dos Oficiais Livres em 1952.
 
Esse novo governo, que proibiu não-egípcios de possuir propriedades ou negócios, e a influência do nacionalismo árabe, levou ao êxodo das grandes comunidades judaicas e internacionais de Alexandria e ao desmantelamento da sociedade multicultural que prosperou por séculos.

Alexandria

A Moderna Alexandria
 
Hoje, a população de Alexandria aumentou e a construção moderna dos edifícios se deu a partir de seu passado cosmopolita e antigo. Ela tem congestionamentos, como a maioria das cidades modernas do Egito, mas seu passado histórico, antigo e contemporâneo, ainda se sobressaem..
 
Grande parte da riqueza arqueológica de Alexandria está enterrada nas mesmas ruas que as pessoas usam hoje e os projetos de escavação constantemente revelam novas descobertas.
Apesar da destruição de muitas coisas da antiga história de Alexandria, a cidade ainda oferece uma variedade crescente de locais impressionantes.
 
No centro da cidade, ao longo da costa, ainda é possível ver os restos da Alexandria de Lawrence Durrell no Cecil Hotel e na Grande Sinagoga, agora em desuso. Em uma península que se projeta do corniche fica a Cidadela de Qaitbay, uma construção do século XV, construída no topo das fundações de Pharos.
 
De lá, pode-se ver a bela e moderna construção da Biblioteca Alexandrina, que é uma enorme biblioteca e centro de pesquisa, construído no local da antiga Biblioteca como um memorial ao passado de Alexandria.
 
Outros locais impressionantes da era greco-romana, inclui por exemplo, os túmulos de Kom Al Shoqafa, considerados uma das Sete Maravilhas da Idade Média.
 
O que visitar?
A famosa Biblioteca de Alexandria que é uma das mais célebres bibliotecas da história e um dos maiores centros no mundo do saber da Antiguidade, Cidadela de Qaitbay que é uma fortaleza que tinha o objetivo de defender Alexandria dos avanços do Império Otomano, Farol de Alexandria, Montazah Park, Catacumbas de Kom el-Shuqafa e o Museu Greco-Romano. Para além dos pontos turísticos, vale a pena dar uma volta pelo calçadão e tomar um sorvete ou simplesmente um chá, apreciando a movimentação da cidade e da cultura local.
 
Como chegar?
Você pode chegar em Alexandria pelo aeroporto da cidade, de carro ou de ônibus. A cidade fica a 3h do Cairo. 

 

Conheça as maravilhas de Alexandria em um dos nossos Pacotes para o Egito.

    Por que nós
    • Experiência desde 1955

      Somos um dos pioneiros no Egito e nossa satisfação é promover as melhores férias da sua vida.

    • Serviço personalizado

      Monte a viagem dos seus sonhos com a melhor qualidade de serviços e de acordo com seu orçamento..

    • Falamos a sua língua

      A multilingual website offers content in 6 different languages English, Spanish, Portuguese, French, Italian and German

    • Flexibilidade

      Somos flexíveis para realizar alterações no roteiro de sua viagem por motivos de força maior ou outros motivos específicos.

    • Sua segurança

      Um guia turístico profissional sempre à sua disposição em todos os lugares.

    • Serviço de alta qualidade

      Priorizamos a qualidade em todos os serviços por nós prestados.

    • Atendimento ao cliente 24h

      Suporte 24 horas por dia, 7 dias por semana através do chat, e-mail ou telefone.

    • Turismo sustentável

      Consciência e responsabilidade visando o presente e o futuro e gerando empregos para a população local.

    • Pagamento on-line seguro

      O nosso site é protegido pelo sistema de pagamento online Veri Sign Secure, um dos sistemas mais seguros do mundo.

    • Site seguro

      A Memphis Tours trabalha com o McAfee Secure Site para mantê-lo a salvo de fraudes e spyware e para proteger seu cartão de crédito.

    Entre Em Contato