Petra

Petra

Petra, maravilha do mundo, é, sem sombra de dúvida, o tesouro mais valioso da Jordânia e a maior atração turística. É uma cidade vasta e singular esculpida na própria face rochosa pelos Nabateus, um engenhoso povo árabe que aqui se fixou durante mais de 2000 anos e que a transformou num local importante para as rotas da seda, das especiarias e outras rotas comerciais que ligavam a China, a Índia e a Arábia do Sul ao Egito, Síria, Grécia e Roma.
 
O Tesouro ou 'Al-Khazneh'.
Petra é um Patrimônio Mundial da UNESCO que encanta visitantes de todos os cantos do globo. Grande parte do apelo de Petra vem de seu cenário espetacular no fundo de um estreito desfiladeiro do deserto. O local é acessado caminhando por um abismo de um quilômetro de comprimento (ou siq), cujas paredes sobem 200m para cima. 
 
Caminhar pelo Siq é, por si só, uma experiência única. As cores e as formações rochosas são impressionantes. À medida que nos aproximamos do fim do Siq, começamos a ver Al-Khazneh (Tesouro). O monumento mais famoso de Petra, aparece no final do Siq. Ele foi usado na sequência final do filme "Indiana Jones e a Última Cruzada".
 
Esta é uma experiência que suscita admiração. Uma fachada imponente com 30 metros de largura e 43 de altura esculpida na própria rocha rosa poeirento que faz com que tudo a seu lado pareça minúsculo. Foi esculpida em inícios do primeiro século para ser o túmulo de um importante rei nabateu e representa a genialidade deste povo.
 
A palavra "Khanzeh" (tesouro), foi dada pelas tribos beduínas locais por trás da crença de que a urna no topo da entrada da frente continha o tesouro de um faraó. A superfície do tesouro é esculpida no século I dC e decorada com figuras mitológicas e deidades nabateias.
 
A fachada de Petra é esculpida em uma rocha rosa, variando de branco a rosa, amarelo e marrom. A fachada leva ao túmulo serve como uma tumba para o rei nabateu Aretas III e, posteriormente, como um local de culto.

Petra

O que você vai encontrar
O Tesouro é apenas a primeira das muitas maravilhas que compõem Petra. Você precisará de pelo menos quatro ou cinco dias para realmente explorar tudo aqui. Ao entrar no vale de Petra, você ficará impressionado com a beleza natural deste lugar e suas extraordinárias realizações arquitetônicas. 
 
O teatro em estilo romano, tem capacidade para 3.000 pessoas. Existem obeliscos, templos, altares de sacrifício e ruas com colunas. No alto, com vista para o vale, fica o impressionante Mosteiro Ad-Deir - um lance de 800 degraus feitos na rocha leva você até lá.
 
Dentro do local também existem dois excelentes museus; o Museu Arqueológico de Petra e o Museu dos Nabateu de Petra, ambos representando achados das escavações na região e uma visão do passado colorido de Petra.
 
Um santuário do século XIII, construído pelo sultão mameluco, Al Nasir Mohammad, para comemorar a morte de Arão, o irmão de Moisés, pode ser visto no topo do monte Arão, na cordilheira de Sharah.

 

Descubra o melhor de Petra em uma nas Viagens Jordania

Petra

Túmulos Reais de Petra
Durante qualquer viagem a Petra, você não pode perder os imprevisíveis Túmulos Reais, para alcançá-los, você precisa subir uma escada que leva ao famoso Túmulo da Urna, que foi usado como local de culto durante o Império Bizantino.
 
O Túmulo da Urna é um dos quatro túmulos reais de Petra. Construída na segunda metade do primeiro século, pelo rei Areta e por seu filho, Malco II.  Tinha duas camadas de cofres e se pensa ser o túmulo do rei Nabateno, Malco II. Dispõe de um enorme terraço e um majestoso pátio dórico, entalhado na rocha.  Uma rara inscrição dentro de uma das salas indica que o local foi convertido em uma igreja em 447 dC pelo bispo Jason. O interior do túmulo mede 18m por 20m. 
 
Ao lado do túmulo da urna, há um pequeno túmulo conhecido como o túmulo da seda. Depois, vem a tumba do palácio, a tumba de Corinto e a tumba de Sesto Fiorentino
 
Local do Sacrifício
A famosa passagem bíblica onde Abraão, como prova de devoção a Deus, quase sacrificou seu filho que foi salvo por um anjo, aconteceu nas montanhas de Petra. A tumba do profeta Arão, um local sagrado para os muçulmanos, é conservada até hoje.
 
Em homenagem ao profeta, anualmente, uma cabra é sacrificada, pois muitos peregrinos acreditam que a Tumba carrega o espírito do profeta Araão (irmão do Profeta Moises).
 
O Local do Sacrifício está localizado no topo de uma montanha em Petra. O início da caminhada para este local fica pouco antes do início do anfiteatro. São mais ou menos 800 degraus para se chegar lá.
 
Os sacerdotes nabateus utilizavam este local para executar rituais religiosos a fazer sacrifícios aos seus deuses.
 
No topo das escadas do lugar de sacrifício, há um par de obeliscos dedicados aos deuses nabateus. À direita há um outro pico com um caminho pedregoso que leva aos dois altares na borda da montanha. A pedra circular era usada para matar os animais, permitindo que o sangue escorresse para um canal escavado, enquanto o padre limpava suas mãos na cisterna cortada na rocha. O Altar, a poucos metros para a direita, era onde ficava queimando a oferta de sacrifícios. Havia uma grande plataforma onde os plebeus se sentavam para assistir os sacrifícios e para participar das cerimônias.

 

Por que você precisa visitar Petra

Petra

Como se deslocar em Petra?
Os veículos automotivos não podem circular no local. Mas, se não quiser andar a pé, pode alugar um cavalo ou uma carruagem puxada por cavalos para percorrer os mil metros do Siq. No caso de idosos e/ou deficientes, o Centro de Visitantes, perto da entrada do Siq, irá emitir uma autorização especial (com taxa extra) para que a carruagem entre em Petra, para visitar as principais atrações.
 
Quando visitar?
Os melhores horários para ver Petra é no início ou meio da manhã ou então à tardinha, quando o sol inclinado faz sobressair as fantásticas cores naturais das rochas.      
 
Por que visitar?
As montanhas gigantes vermelhas e inúmeros mausoléus de um povo extinto nada têm em comum com a civilização moderna e nada mais suscitam a não ser contemplado pelo seu valor genuíno: uma das maiores maravilhas da Natureza e do Homem.
 
Quanto custa?
O ingresso custa *29JD (por pessoa). Há também outras opções de ingresso. *O valor pode sofrer alteração.
 
A Jordânia oferece aos visitantes a chance de aprender sobre sua rica história e cultura, vislumbrar algumas das vistas mais espetaculares do mundo e entrar em contato com magníficas maravilhas naturais, como a incrível cidade antiga de Petra. Faça Turismo na Jordania com Memphis Tours.

    Por que nós
    • Experiência desde 1955

      Somos um dos pioneiros no Egito e nossa satisfação é promover as melhores férias da sua vida.

    • Serviço personalizado

      Monte a viagem dos seus sonhos com a melhor qualidade de serviços e de acordo com seu orçamento..

    • Falamos a sua língua

      A multilingual website offers content in 6 different languages English, Spanish, Portuguese, French, Italian and German

    • Flexibilidade

      Somos flexíveis para realizar alterações no roteiro de sua viagem por motivos de força maior ou outros motivos específicos.

    • Sua segurança

      Um guia turístico profissional sempre à sua disposição em todos os lugares.

    • Serviço de alta qualidade

      Priorizamos a qualidade em todos os serviços por nós prestados.

    • Atendimento ao cliente 24h

      Suporte 24 horas por dia, 7 dias por semana através do chat, e-mail ou telefone.

    • Turismo sustentável

      Consciência e responsabilidade visando o presente e o futuro e gerando empregos para a população local.

    • Pagamento on-line seguro

      O nosso site é protegido pelo sistema de pagamento online Veri Sign Secure, um dos sistemas mais seguros do mundo.

    • Site seguro

      A Memphis Tours trabalha com o McAfee Secure Site para mantê-lo a salvo de fraudes e spyware e para proteger seu cartão de crédito.

    Entre Em Contato