Casablanca e suas atrações turísticas

Uma vez em Marrocos, Casablanca deve fazer parte do seu roteiro, conheça tudo sobre esta cidade especial no coração dos marroquinos e dos viajantes. Confira!

Onde fica?
A antiga medina fica localizada na Praça Marishal no lado noroeste da Praça das Nações Unidas em Casablanca. 

 

Informações Gerais
A partir do século 16, a antiga medina da cidade de Casablanca foi cercada por murallhas, hoje não há a estrutura completa mas ainda é possível ver os becos, prédios antigos e muitas lojas.  Apesar de não ser a maior ou mais famosa medina do Marrocos, a Bab Marrakech (antiga medina) é um ponto de comércio com um verdadeiro labirinto de lojas. A tática de negociação (barganha) também é comum na hora de comprar qualquer produto.

 

O que você vai encontrar por lá?
Lojas de vários segmentos e muitos cafés, o ambiente é bastante movimentado. Boa parte da antiga medina permanece como área residencial. No lado norte de Bab Marrakech, de frente para o porto, há os últimos vestígios das fortificações do século XVIII de Casablanca.

Encante-se com as mesquitas, koubbas, baluartes e muito mais em Bab Marrakech, e não esqueça de fazer compras e experienciar momentos de diversão e imersão cultural. 

 

Conheça Casablanca, Bab Marrakech e muito mais com os pacotes especiais criados pela Memphis Tours especialmente pra você. O Marrocos espera por você, reserve já a sua aventura! 

Onde fica sua localização?
O bairro de Aïn Diab está situado entre o marabout de Sidi Abderrahman e a Anfa. A praia de Aïn Diab, que está no limite norte do bairro, estende-se por cerca dois quilómetros pela costa.

 

O que você vai encontrar por lá?
O bairro de Aïn Diab  tem duas parte distintas, a colina de Anfa, onde se encontram quarteirões de villas de luxo rodeadas de parques arborizados, e a depressão de Sindibad (Simbad), onde ainda subsistem algumas atividades agrícolas e habitações.
Além disso há diversas praias excelentes, muitos cafés e restaurantes, e claro uma paisagem maravilhosa especialmente no fim de tarde.

 

Por que visitar Aïn Diab?
O bairro é conhecido pela sua atividade turística, centrada na praia e na animação da Corniche. Ele é famosa por seus hotéis e por abrigar uma rodada do campeonato mundial de Fórmula 1 nos anos 50. Quando estiver em Casablanca não deixe de apreciar tudo que Aïn Diab tem a oferecer.

 

Conheça esta e outras atrações maravilhosas de Casablanca através de um dos nossos pacotes especiais para o Marrocos, com guia profissional, preços imperdíveis e serviços de excelente qualidade.

Venha descobrir o Marrocos com a Memphis Tours e tenha uma viagem incrível!
 

Onde fica?
Na cidade de Casablanca, à beira do Oceano Atlântico e com capacidade para 25 mil pessoas no espaço interno e 80 mil em seu pátio, a Mesquita Hassan II ou Grande Mesquita Hassan II é a maior mesquita do Marrocos e a 5ª maior do mundo.

 

Sua construção
Projetada pelo francês Michel Pinseau, sua construção foi concluída em 1993 com a colaboração de milhares de artesãos trazidos de todos os cantos do país. Eles foram os responsáveis ​​pela criação de todas aos azulejos, molduras e esculturas em madeira, além de todo o trabalho de pavimentação que foi feito em mármore e granito.

 

Você sabia?
Seu incrível minarete tem 210 metros de altura e em seu topo existe um laser que aponta para a cidade de Meca e pode ser visto a quilômetros de distância. O interior é igualmente impressionante, a cobertura do salão de oração é retrátil podendo ser aberta para a entrada da luz solar. Ao visitar Casablanca é impossível deixar de conhecer essa enorme e fantástica construção.

 

Recomendações aos visitantes
Por se tratar de uma mesquita, é provável que as mulheres sejam solicitadas a cobrir a cabeça ao entrar no local, por isso leve um lenço na bolsa. Não é permitido usar saias, shorts ou bermudas, não deve usar decotes ou estar com ombros à mostra. Sapatos não são permitidos no interior da Mesquita, sendo necessário retirá-los quando for entrar.

Importância econômica
Casablanca é a terceira maior cidade turística do Marrocos, sendo principalmente uma cidade de negócios por ser a capital económica do país, ela possui um dos maiores portos artificiais do mundo, sendo um local importante para a economia.

 

Nos dias atuais
A cidade e a medina de Casablanca como são vistas hoje foram fundadas em 1770 pelo sultão Sidi Mohammed ben Abdallah (1756-1790). A cidade tinha o nome de Dar el Beida (que significa "Casa Branca" em árabe) e Casa Blanca em castelhano. A medina antiga, ainda parcialmente fechada por muralhas, tornou-se o primeiro distrito de Casablanca. Você vai encontrar uma atmosfera de tradições e milhares de pequenos ofícios e comércios no labirinto de becos e lojas de artesanatos.

 

A noite em Casablanca
Ao fim da tarde, você pode tomar a estrada da costa Ain-Diab rumo à estância balneária de Casablanca. Este lugar é ótimo para apreciar o pôr do sol e refrescar-se numa esplanada. À noite, as discotecas abrem as portas nesta cidade que nunca dorme.
 
Nos cinemas
Não podemos deixar de mencionar o filme mais famoso feito no Marrocos – Casablanca. A obra cinematográfica norte-americana de 1942, e estrelada pelos atores Humphrey Bogart e Ingrid Bergman, com direção Michael Curtiz. Casablanca é considerado como um dos maiores filmes da história do cinema americano.

 

Arte e Cultura
Casablanca cedia dois famosos festivais, o Festival du Boulevard des jeunes musiciens (Festival de Música) e o Festival de Casablanca (Festival organizado pelo município).

 
O que visitar?
Uma vez em Casablanca, organize seu roteiro e visite: a Mesquita Hassan II, o Palácio Real de Casablanca, o Distrito de Habbous, a Praça Mohammed V, o Parque da Liga Árabe; o Museu da Villa des Arts; a antiga Catedral do Sagrado Coração de Casablanca; a antiga medina (Bab Marrakech); a Praça das Nações Unidas, a estrada marginal e as praias (Aïn Diab); o Marabout de Sidi Abderrahmane e o Twin Center Casablanca. 

Onde fica a sua localização?
O Palácio Real de Casablanca fica no bairro Habbous (a medina ou nova cidade construída na década de 1920), é uma obra-prima da arquitetura islâmica. Rodeado por várias laranjeiras e fontes de água, o local é a residência principal do rei na cidade.

 

É possível visitar o Palácio?
Apesar da entrada ao palácio ser proibida, ainda é uma das atrações principais de Casablanca e a visita à área externa vale a pena. Os visitantes podem observar e apreciar seus muros e os seus lindos portões caprichosamente adornados.

 

Sobre a Residência Real
Este palácio é a residência secundária do rei, já que ele vive na capital política, a cidade de Rabat. Mas quando há qualquer evento ou visita real à cidade, é neste Palácio que o Rei do Marrocos fica. Nele o rei já recebeu diversas autoridades e personalidades do mundo.

 

O Palácio Real de Casablanca é sem dúvida uma das obras arquitetônicas mais belas da cidade, não deixe de conferir esta atração quando chegar à esta cidade marroquina. Saiba mais sobre outras atrações de Casablanca e planeje a sua viagem com a Memphis Tours com guia profissional e serviços de excelência. 

Vamos viajar e descobrir as maravilhas do Marrocos!

Como é a sua estrutura?
O bairro Habbous é repleto de ruazinhas estreitas com suas casas atrativas, arcadas caiadas em branco, fontes decorativas e inúmeras lojas de souvenirs - um dos lugares mais pitorescos da cidade.

 

O que você vai encontrar no local?
Uma bela mesquita de pedra adorna o bairro que conta com cafés e livrarias, a bela Catedral de Notre Dame de Lourdes, desenhada pelo artista francês Gabriel Loire, com seus lindos vitrais, foi construída na década de 50 e é uma das poucas igrejas da cidade. Aproveite para ver as pequenas lojas com produtos locais e não esqueça que pechinchar aqui também faz parte do passeio. Você pode passar por lá qualquer hora do dia, mas não saia de lá sem degustar de um bom doce marroquino ou uma xícara de chá tradicional.

 

Por que você deve incluir o bairro de Habbous na sua viagem?
O local é um lugar muito agradável para passear, não tem aquele multidão, é tranquila, conservada e dá ter uma ideia do estilo de vida do povo marroquino, além de ser uma boa oportunidade para fazer compras.

 

Visite essa e outras atrações com um dos pacotes da Memphis Tours e tenha uma viagem simplesmente inesquecível.

Onde fica sua localização?
A praça marroquina Mohammed V fica ao sul da Praça das Nações Unidas e as duas são ligadas pela avenida Hassan II. A praça está situada na cidade de Casablanca.

 

Sua estrutura - Informações Gerais
Uma grande fonte central embeleza a Praça Mohammed V que é repleta de palmeiras. Os prédios do tribunal e da prefeitura ficam bem próximos à praça e uma estátua entre os dois edifícios presta homenagem ao general Lyautey, que construiu o porto de Casablanca.

 

O que há no local?
Uma praça tipicamente tradicional onde você pode dar uma pausa na correria do dia a dia, sentar e apreciar um pouco da cidade. Ver alguns vendedores locais, crianças correndo e alimentando os pombos, e se você tiver sorte talvez veja alguma apresentação de arte popular.

 

Por que visitar?
Antigamente em qualquer lugar do mundo era comum as famílias e amigos visitarem a praça, não podemos repetir as cenas do passado, mas podemos criar no presente um momento único seja nesta Praça Mohammed V ou em outra qualquer - é só sentar, parar o tempo, respirar e curtir a vida ao máximo com as mais simples coisas que ela oferece.

 

Venha descobrir maravilhas do mundo marroquino, viaje com a Memphis Tours.

Perguntas Frequentes
Preciso de visto para o Marrocos?
Brasileiros não precisam de visto para o Marrocos.
Qual a melhor época para visitar o Marrocos?
As melhores épocas são na primavera (de Março a Maio) e no outono (de Setembro a Novembro). Temperaturas mais amenas que vão permitir você desfrutar melhor das atrações marroquinas.
Qual o idioma do Marrocos?
No Marrocos o idioma oficial é o árabe, em seguida vem o berber. Outro idioma predominante é o francês. Nas regiões turísticas é comum ouvir outros idiomas.
Gorjeta é obrigatória? Quanto devo pagar?
Dar gorjetas é uma prática comum no Marrocos, simboliza a sua gratidão por um determinado serviço que recebeu. Não é algo obrigatório, mas se quiser pagar gorjetas, dê aquilo que acha sensato.
Terei que barganhar?
A barganha é cultural no Marrocos, negociar os preços dos produtos e quanto você quer pagar por eles faz parte da vivência marroquina. Mas se você não quer barganhar, há lojas que já vendem produtos com preços tabelados.
Devo tomar precauções em relação à saúde?
Os turistas podem enfrentar alguns problemas de saúde em Marrocos, como alguns distúrbios gástricos causados por beber água da torneira ou comer de um restaurante local que não foi recomendado por seus guias turísticos ou a recepcionista do hotel. Alguns viajantes podem sofrer queimaduras solares ou insolação do calor e do sol durante o verão se não forem cuidadosos; no entanto, tomar as devidas precauções e beber água engarrafada pode eliminar qualquer risco para a saúde.
Como se vestir no Marrocos?
É recomendado usar roupas modestas, especialmente quando for visitar locais religiosos.

Dicas
  • A moeda do Marrocos é o Dirham (MAD). A moeda para o Marrocos foi emitida pelo Banco de Al-Maghrib, que é o banco central de Marrocos.
  • Os principais idiomas dos marroquinos são o inglês e o francês, eles também falam ou entendem inglês. Alguns marroquinos outros idiomas como italiano, espanhol e alemão.
  • Brasileiros não precisam de visto para entrar no Marrocos.
  • Gorjetas é considerada habitual em Marrocos. No entanto, você não é obrigado a pagar.
Destaques
  • Marrocos é famoso por sua diversidade geográfica, desde as belas praias de Agadir até as pistas de esqui de Oukaimeden
  • Marrocos tem uma longa faixa de montanhas quando vista do céu, que vai de leste a oeste antes de alcançar as areias da Mauritânia.
  • Os vários tipos de habitat contribuíram para a diversidade de culturas que enriqueceram a identidade marroquina.
  • O Instituto Real da Cultura Amazigh foi criado em 17 de outubro de 2001. Desde então, Berber foi considerado uma língua oficial.
  • Em Fez, visite a Medina, o distrito de Tanners, o Santuário de Moulay Idriss II e a Mesquita Kairouine.
  • Meknes, é uma das mais belas e poderosas cidades imperiais do Marrocos.
  • Marrakech, é uma pérola polida pela história e sua tradição de hospitalidade.
  • Casablanca, lar de mil pequenos ofícios de artesanato e é a vitrine da arquitetura art déco.
Opiniões