A deslumbrante Ouarzazate

Conheça Ouarzazate no Marrocos, um lugar incrivelmente belo com paisagens deslumbrantes que já foi cenário para várias obras cinematográficas. Saiba mais!
 

Onde fica?
Localizado nas encostas do sul do Alto Atlas, na província de Ouarzazate, o local de Ait Benhaddou é o ksar mais famoso do Vale Ounila. É um exemplo notável da arquitetura do sul do Marrocos.

 

O que é?
O ksar é um coletivo de moradias, dentro das muralhas fortificadas. Um conjunto extraordinário e exuberante de edifícios que oferece um panorama completo das técnicas de construção de barro pré-saarianas. 

 

A estrutura do Ksar
O Ksar inclui mesquita, praça, pátio fora das muralhas, forte e sótão no topo da aldeia, caravançarai (um edifício para hospedagem gratuita de caravanas), dois cemitérios (muçulmanos e judeus) e o santuário do Santo Sidi Ali ou Amer.

 

Como chegar?
O local pode ser visitado através da rota dos 1000 kasbahs, indo de carro, van ou ônibus de turismo.

 

Você Sabia?
O local era um dos pontos comerciais na rota que ligava o antigo Sudão até Marraquexe através do Vale do Dra e também pela passagem de Tizi-n'Telouet. 

 

Cenários para filmes e séries
Ait Benhaddou foi usado como cenário em diversas obras cinematográficas, como:
- Sodoma e Gomorra (1963)
- Édipo Rei  (1967)
- Jesus de Nazaré (1977)
- Marco Polo (1982)
- A jóia do Nilo (1985)
- A Múmia  (1999)
- Gladiador (2000)
- Alexandre, o Grande (2004)
- Príncipe da Pérsia (2010)
- Game of Thrones

Onde fica?
O Vale do Draa está situado ao sul do Marrocos, o local está dividido entre uma área verde repleta de palmeiras juntamente com o rio Draa enquanto o outro lado fica a entrada do deserto do Saara. O rio Draa é o mais extenso do país, o mesmo percorre quilômetros até desaguar no oceano atlântico.

 

Você Sabia?
O Vale do Draa que se estende por quase 200 quilômetros em direção ao sul irriga um oásis estreito, onde as deliciosas tâmaras e henna crescem. O Tissergate ksar é um dos fortes que contornam o vale e abriga um museu onde são exibidos artesanatos do dia a dia do povo berbere.

 

Como chegar?
Você pode chegar ao local através de carro, van ou ônibus de turismo. Para aproveitar melhor sua viagem e conhecer mais sobre a cultura local, contrate um guia especializado.

 

Dicas valiosas
O Vale é repleto de lindas paisagens e belos oásis, durante seu passeio faça pequenas paradas para conhecer e registrar incríveis cartões postais, afinal não é todo dia que você vai encontrar telas exuberantes criadas pela própria natureza.

 

Venha conhecer o Vale do Draa com a Memphis Tours, e apaixone-se ainda mais pelo Marrocos. Reserve já o seu pacote!

O que visitar?

Você não pode deixar Ouarzazate sem visitar o kasbah Tiffoultoute e o kasbah Ait Ben Hadou. Estes exemplos notáveis ​​da arquitectura tradicional dão um antegozo da famosa Rota dos 1000 Kasbahs. A impressionante vista do ksar foi reconhecida pela Unesco como Património Mundial da  Humanidade, é um magnífico panorama do palmeiral e das montanhas dos atlas.

 

A rota dos 1000 Kasbahs

Famosa rota no Marrocos que engloba diversos povoados berberes, vales, um vasto palmeiral, paisagens incríveis, pequenos oásis e claro os kasbahs (casas fortificadas de origem berbere). A rota é uma das mais belas e inesquecíveis paisagens do Marrocos.

 

De rosas para canyons

No Vale dos Dades, você passará pelo país das rosas, El Kelaat M'Gouna, onde a água de rosas é feita. Em maio, a rosa tem um lugar de honra em um festival de três dias realizada em toda a área.

 

A rota dos oásis do Sul

O Vale do Drâa que estende-se por quase 200 quilômetros em direção ao sul irriga um oásis estreito, onde tâmaras e henna crescem. O Tissergate ksar é um dos fortes que contornam o vale e abriga um museu onde são exibidos artesanatos do dia a dia do povo berbere.

 

Às portas do deserto

M'Hamid é o ponto de partida para viagens ao Sahara. As duas dunas altas em Tinfou dão uma prévia do deserto. À oeste de Tinfou, as dunas Chigaga se estendem por 150 quilômetros.

 

No cinema e na TV

Ouarzazate foi, infalivelmente, relacionada com cinema desde 1984. Seu clima, a situação geográfica e as condições econômicas têm incentivado estúdios de cinema a se direcionar em Ouarzazate. A região é conhecida como “Hollywood do deserto” por ter sido cenário para diversos filmes como Lawrence da Arábia, Asterix & Obelix, Missão Cleópatra, O Céu Que Nos Protege e Gladiador.

 

Você Sabia?

A novela brasileira “O Clone” teve suas primeiras cenas gravadas em cinco cidades do Marrocos. Foram escolhidas para filmagem as ruínas da kasbah Ait Ben Hadou, em Ouarzazate; o mercado de camelos de Marrakech; a cisterna portuguesa de El Jadida; e a medina de Fez. Ouarzazate foi utilizada para as gravações das cenas românticas dos personagens principais da trama.

Perguntas Frequentes
Preciso de visto para o Marrocos?
Brasileiros não precisam de visto para o Marrocos.
Qual a melhor época para visitar o Marrocos?
As melhores épocas são na primavera (de Março a Maio) e no outono (de Setembro a Novembro). Temperaturas mais amenas que vão permitir você desfrutar melhor das atrações marroquinas.
Qual o idioma do Marrocos?
No Marrocos o idioma oficial é o árabe, em seguida vem o berber. Outro idioma predominante é o francês. Nas regiões turísticas é comum ouvir outros idiomas.
Gorjeta é obrigatória? Quanto devo pagar?
Dar gorjetas é uma prática comum no Marrocos, simboliza a sua gratidão por um determinado serviço que recebeu. Não é algo obrigatório, mas se quiser pagar gorjetas, dê aquilo que acha sensato.
Terei que barganhar?
A barganha é cultural no Marrocos, negociar os preços dos produtos e quanto você quer pagar por eles faz parte da vivência marroquina. Mas se você não quer barganhar, há lojas que já vendem produtos com preços tabelados.
Devo tomar precauções em relação à saúde?
Os turistas podem enfrentar alguns problemas de saúde em Marrocos, como alguns distúrbios gástricos causados por beber água da torneira ou comer de um restaurante local que não foi recomendado por seus guias turísticos ou a recepcionista do hotel. Alguns viajantes podem sofrer queimaduras solares ou insolação do calor e do sol durante o verão se não forem cuidadosos; no entanto, tomar as devidas precauções e beber água engarrafada pode eliminar qualquer risco para a saúde.
Como se vestir no Marrocos?
É recomendado usar roupas modestas, especialmente quando for visitar locais religiosos.
Carregar mais

Dicas
  • A moeda do Marrocos é o Dirham (MAD). A moeda para o Marrocos foi emitida pelo Banco de Al-Maghrib, que é o banco central de Marrocos.
  • Os principais idiomas dos marroquinos são o inglês e o francês, eles também falam ou entendem inglês. Alguns marroquinos outros idiomas como italiano, espanhol e alemão.
  • Brasileiros não precisam de visto para entrar no Marrocos.
  • Gorjetas é considerada habitual em Marrocos. No entanto, você não é obrigado a pagar.
Destaques
  • Marrocos é famoso por sua diversidade geográfica, desde as belas praias de Agadir até as pistas de esqui de Oukaimeden
  • Marrocos tem uma longa faixa de montanhas quando vista do céu, que vai de leste a oeste antes de alcançar as areias da Mauritânia.
  • Os vários tipos de habitat contribuíram para a diversidade de culturas que enriqueceram a identidade marroquina.
  • O Instituto Real da Cultura Amazigh foi criado em 17 de outubro de 2001. Desde então, Berber foi considerado uma língua oficial.
  • Em Fez, visite a Medina, o distrito de Tanners, o Santuário de Moulay Idriss II e a Mesquita Kairouine.
  • Meknes, é uma das mais belas e poderosas cidades imperiais do Marrocos.
  • Marrakech, é uma pérola polida pela história e sua tradição de hospitalidade.
  • Casablanca, lar de mil pequenos ofícios de artesanato e é a vitrine da arquitetura art déco.
Comentários